<12 de jan de 2008

Fiquem de olho!!!




Ipem-SP reprova protetores solares e produtos de verão
da Folha Online

O Ipem-SP (Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo), em sua Operação Verão, verificou quantidade na embalagem de 65 lotes de produtos pré-medidos mais utilizados nesta época do ano. Ao todo, sete lotes (ou 10,77%) estavam com menos quantidade do que o indicado. Foram analisados 35 tipos de protetores solares e bronzeadores de 23 diferentes marcas.

A maior irregularidade ocorreu na cidade de São Paulo, no pó compacto com filtro solar da marca Adcos. Nos itens, faltava em média 1,8 g (-16,36%), na embalagem de 11 g. Em outro produto da marca, o filtro solar Peach, de 50 g, faltava 0,9 g (ou -1,8%). A marca alegou que a diferença está na embalagem.

No gel autobronzeador Anna Pegova, de 100 ml, faltavam em média 7,8 ml (-7,8%). A empresa informou que "realmente foi detectado um problema no processo industrial do Pegotan Gel Autobronzant, entretanto já foi solucionado e as unidades deste lote estão sendo recolhidas das lojas".

Já nas amostras de 60 gramas do protetor solar Medi block, acondicionado pela Bio Scientific, faltavam em média 2 g (-3,33%). O fluido hidratante Higiporo, de 60 ml, acondicionado pela Cria Sim Produtos de Higiene Ltda. apresentou a falta de 5,1 ml em uma das embalagens analisadas.

Também foram analisados cosméticos para pele, mãos e lábios (hidrantes, clareadores de pêlos, géis pós-sol, entre outros), produtos para cabelo (condicionadores, xampus e cremes), repelentes para insetos, sorvetes e bebidas alcoólicas (cerveja, cooler, capirinha). Houve apenas duas reprovações.

O primeiro foi o picolé sabor baunilha da Haagen Dazs, acondicionado pela General Mils. Os fiscais detectaram a falta em média de 1,7 g do produto, cuja embalagem indica 89 g (-1,91%).

Em resposta, a General Mills informa que ainda não teve acesso ao laudo para saber informações detalhadas sobre a amostra analisada "e identificar o que pode ter ocorrido". A empresa afirma que preza pela alta qualidade de seus produtos, obedecendo aos padrões internacionais da marca e normas vigentes dos países em que atua, e "compromete-se que, após ter acesso ao laudo, irá averiguar o que houve e tomar as providências necessárias".

O laboratório do Ipem de Campinas verificou problemas na máscara regeneradora Flores & Vegetais. Faltavam em média 4,2 g na embalagem de 280 g do produto para cabelo (-1,5%).

As empresas irregulares são autuadas e devem retirar os lotes defeituosos de circulação. Há um prazo dez dias para apresentação de defesa junto à superintendência do instituto. Após esse período, há uma análise jurídica e administrativa para aplicação de penalidade administrativa, que varia de R$ 100 ao pagamento de multas de até R$ 50 mil, dobrando na reincidência.

Procuradas pela Folha Online, as empresas Adcos, Flores & Vegetais, Haagen Dazs, Anna Pegova e Davene, produtora do Hipiporo, informaram que ainda não foram notificadas dos resultados, mas que se posicionarão assim que possível. A Bio Scientific não foi localizada pela reportagem.

texto de


imagem

Marcadores:

5 Comments:

Blogger luma said...

Absurdo! Não uso nenhum dos produtos, mas até Anna Pegova? É assim que uma marca se queima! Boa semana! Beijus

9:19 AM  
Blogger Renato Bueloni Ferreira said...

Daqui a pouco vamos precisar fazer compras com uma balança..
bj

5:42 PM  
Blogger Renato Bueloni Ferreira said...

Nunca é demais ficar atento. Ótima informação.
bj

5:42 PM  
Blogger Edna Federico said...

É, somos lesados de tudo que é lado.

12:04 PM  
Anonymous Anônimo said...

Pois é!
Apesar da matéria ter sido publicada em janeiro de 2008, a empresa Anna Pegova continua distribuindo o produto, no site tudo lindo... quantidade 100ml, mas qdo vc recebe o produto, surpresa, foram coladas várias etiquetas dizendo que a quantidade é de 90 ml. isso é propaganda enganosa! e a empresa diz que baixou o valor do produto por conta desse erro. Nota: alguém viu ou achou uma nota explicativa ou errata informando o consumidor?
será que a empresa será punida?
e nós, seremos ressarcidos pelo prejuízo?
eu comprei o produto no dia 17/09/09 e o recebi em 19/09/09, ou seja, ninguém puniu a empresa!

12:20 PM  

Postar um comentário

<< Home